Homem é preso em Pindamonhangaba por maus-tratos a animais e morte de cão

De acordo com a PM Ambiental, ele foi multado em R$ 12 mil e permanece detido

Homem é preso em Pindamonhangaba por maus-tratos a animais e morte de cão
Crédito: Polícia Militar Ambiental

Da Redação Após denúncia anônima, a Polícia Militar Ambiental prendeu um homem, na manhã desta terça-feira (11) no Jardim Eloyna, na zona leste de Pindamonhangaba. Ele é acusado de maus-tratos a cães e pela morte de um animal.

De acordo com a polícia, um cão foi encontrado morto em uma estrada da região, dentro de um saco de lixo. Outros dois foram regatados pelos policiais ambientais na moradia do denunciado.

A polícia chegou até o local após receber denúncia sobre três cães que viviam em local inadequado e sem alimentação. Na residência do suspeito foram encontrados dois cães, amarrados por fios e cordas, sem alimentação e em local irregular.

Aos policiais, o responsável pelos animais acabou confessando que um terceiro cachorro morreu no início da manhã desta terça e foi jogado em uma estrada, em um bairro da cidade.

A perícia foi acionada e seguiu até o local mencionada, onde constatou que era o mesmo cão que estava nas imagens junto à denúncia. Um médico veterinário acompanhou toda a ação dos policiais.

O homem - que não teve sua identidade revelada - permanece preso e ainda foi multado em R$12 mil por maus-tratos. Os dois cães resgatados com vida foram destinados para o CEPATAS (Centro de Proteção e Atendimento aos Animais).

A ocorrência foi apresentada no distrito policial da cidade.